27- As semelhanças do Protestantismo com o erro do Islam

04/03/2014 10:16

No Islam é somente o Al Corão
No Protestantismo é somente a Biblia

No Islam existe a extrema direita ensinando que o Alcorão não está casado, unido a violencia enquanto que a extrema esquerda diz o oposto, que o alcorão esta sim unido ao Jihad ou guerra santa.
No Protestantismo, encontramos extremas semelhanças entre a direita e a esquerda como no Islam. Enquanto um lado interpreta as Escrituras de uma forma, o outro invariavelmente a entende de modo contrário.

Cada doutrina ensinada por uma seita protestante é negada por outra como foi mencionado anteriormente. Por exemplo :

* O inferno existe, o inferno não existe
* Batizar crianças , não batizar as crianças
* Jesus Cristo é Deus, Jesus Cristo não é Deus
* Observar o sábado, observar o domingo

Etc., Etc., Etc., Etc., e assim através é doutrina Cristã protestante,exceto no basico, que Deus existe.

Então qual a raiz do problema? Jesus Cristo ensinou somente Uma Verdade? Ou não?

Se tomarmos um revolver protestante e um islamico e dispararmos uma bala a parede com cada um, ao examinar os buracos de cada projetil o que veriamos? Um disseminação de opiniões pessoais, direitistas, esquerdistas, conservadoras, etc. De qualquer forma, quem seria o centro ou base de cada patrão? Pode-se nomear a pessoa?

Não pode, Nem o Protestantismo muito menos o Islam terem nenhuma autoridade central para se tomar uma decisão definitiva a respeito da verdade de nenhuma de suas doutrinas percebidas.

A única autoridade que o Protestantismo acredita ter esta registrada na marca disseminada do disparo, visto que cada protestante atua como seu proprio papa.

Agora tome um revolver catolico e faça a mesma prova, quem está no centro agora?

A resposta para a pergunta, Qual a raiz do problema? É que nem o Protestantismo e nem o Islam tem nenhuma autoridade central.

Ambos estão ancorados a um livro que pode ser interpretado de tantas formas como há cabeças. E Martinho Lutero lamentou em uma ocasião isso ja descrito anteriormente.

Consequentemente, ambos terminam em inacabáveis disputas, contendas, controversias internas, pleitos, frações e caos sobre o qual cabeça esta a interpretação correta de seus respectivos livros.

Para o protestantismo, é a Torre de Babel novamente.

—————

Voltar